9 de dez de 2010

Quase te contei

Pensei em te dizer, dizer com poucas palavras;
Hoje pela manhã quase disse, que te ver assim tão informal,
De cara suja pela manhã, é o melhor do meu dia. Quase disse...


De cara amassada, roupas rasgadas, pele suada...
Quase disse...

Quase disse que te abraço toda noite,
Que te vejo bocejar, sonejar.
Teus olhos piscando, não sei o que pensa ao acordar
Será que era aqui que queria estar?

Quase disse que era assim,
Assim que queria te ver, na hora em que despertar.
Que tua voz rouca pela manhã me faz recordar,
De tudo que já me disse, do que ficou por dizer

Quase disse, quase...

Minha boca não se abriu e não pude te contar
que ontem lembrando tanta coisa,
riso, choro, canções,
anoiteceu... e foi de frente ao espelho de cabelos emaranhados, expressão cansada...

Quase te acordei, quase.

Pra dizer que nos vermos assim, pela manhã, de cara suja
É tudo que poderia querer.
Eu quase que te disse.

7 de dez de 2010

O que penso


As vezes penso, só as vezes, se isto é mesmo tudo.
Se tudo passa, então que resta ?
Que resta do tudo que foi? Torna-se nada? apenas por ter se esvaído...

Então diga o que torna tudo tão importante.
Talvez o destino de tornar-se apenas algo entre tantas coisas?

Mais agora, agora já não sei mais,
Pois se com o passar do tempo tudo torna-se nada; então como nada pode ser algo sem importância?

Qual a definição de nada?
Pois se com tudo torna-se o que é...

És algo maior que nada.
Ainda que sejas uma coisa pequenina.

És algo, e precisa de definição
Assim como tudo precisa ser definido

Mais quem define o que é o que ?
E o que se tornaria se não fosse o que é?

Confundi-me, não me lembro de tudo que disse,
Sou assim me distraio com facilidade
Esqueço tudo que disse 

Mania que tenho de pequenininha de ficar pensando em tudo
Ao fim , nunca chego a conclusão de nada.

15 de nov de 2010

Cumplicidade

E então é isso.
Escovas de dentes dividindo o mesmo copo, cds juntos numa mesma prateleira.
É jantar juntos, assistir as mesmas reportagens, tomar umas cervejinhas com os velhos e bons (poucos) amigos.
É a segurança de dormir e acordar ao lado de quem se ama, de rir de madrugada e de dividir as idéias mais insanas e os hábitos mais grotescos.
é saber que tem alguém por você, e ser por alguém também.
É dispor de seu tempo, talvez mais do que necessário e sentir-se satisfeito com esta mistura de personalidades.
São as velhas memórias que se transformam em memórias atuais, saber que não vai virar uma pagina amassada, rasgada e amarelada de um amor qualquer passado.
é o cheiro de tinta fresca no ambiente, e um cinzeiro amarrotado de bitucas.
É comunhão total de bens : o pensamento. O bem mais precioso que se pode dividir.
Isso não se chama casamento, chama-se Cumplicidade, Lealdade e quem ja experimentou isto, sabe bem que estou falando de felicidade.



12 de out de 2010

Casa nova, ainda tem o cheiro da tinta fresca!
Planejamos tanto e aqui estamos, entre uma imensidão de caixas e coisas pra arrumar.
-Tô com fome!
-Eu também...
Mais como ainda não tem gás... Eba! pizza, calabresa com muiiiita cebola, ah pede guaraná...

E agente coloca nossa foto na estante, e a estatua do ganesha também!
Ainda não tem lençol, vamos ter que dormir sem.
liga a tv, instala a antena, senta no chão (ainda não tem sofá também)
Mais aqui estamos, na nossa casa.
Alguém viu a pasta de dente?
tropeço nas caixas, cada caixa é um pedaço da minha vida...
em cada uma trago uma peça do meu quebra cabeça.

Agente anota o que preisa comprar, poutz! a lista não tem mais fim hihihi

E agente dorme as 4 da manhã lembrando historias, e começando outra...

10 de mai de 2010

Iniciativas

No ritmo da Virada Cultural, 400 estudantes universitários, voluntários da organização não-governamental Um Teto para meu País (UTPMP), irão promover a mudança na vida de 37 famílias carentes.
24 horas na construção de casas para as mesmas famílias.

Viva a iniciativa !

Virada Cultural - Sampa!

Foram anunciados mais detalhes da Virada Cultural 2010, que será realizada entre os dias 15 e 16 de maio, em São Paulo. Segundo declaração do prefeito da cidade, Gilberto Kassab, espera-se que 4 milhões de pessoas assistam à extensa programação do evento, que estará espalhada por 47 espaços de São Paulo.
A Virada deste ano terá abertura de dois cubanos do Buena Vista Social Club: Barbarito Torres e Ignácio Mazacote, e outros artistas de mais destaque que participarão do evento são Living Colour, L.A. Guns, Céu, The Temptations, Elza Soares, Titãs, Raimundos e Pitty. Uma banda cover dos suecos do ABBA também vai se apresentar, além de André Abujamra, Toquinho, Jair Rodrigues, Big Brother & The Holding Co., uma vez integrado por Janis Joplin.
Assim como nas edições anteriores, o palco principal para shows musicais será na Praça Julio Prestes. Uma das novidades é a criação de um palco dedicado exclusivamente ao reggae, que ficara na Barão de Limeira e trará apresentações dos jamaicanos Pablo Moses, Fully Fullwood, Clinton Fearon e Big Youth, além dos representantes brasileiros do gênero Cidade Negra e Ras Bernardo, vocalista original da banda carioca, Planta e Raiz e Tribo de Jah, entre outros.
Na Praça da Luz, dois palcos terão música erudita e apresentações de dança. Na República, palco dedicado ao samba. Nos palcos Casper Líbero, na Rua Mauá, artistas independentes, ou nem tanto, vão se apresentar. Mallu Magalhães, Karina Buhr, COMMA e Juliana Kehl estão entre eles.
Deixando um pouco a música de lado, a “Dimensão Nerd” foi criada para quem gosta de games, RPGs e HQs. Será um espaço na Praça Roosevelt com mesas de RPG e jogos de tabuleiro, live-action de RPG, parada Cosplay - com transmissão em tempo real pela internet -, e desfile de fantasias.

Artistas fazem homenagem a Zé Rodrix

Zé Rodrix, um dos maiores compositores e músicos brasileiros, que faleceu ano passado, será homenageado por grandes artistas e também por sua filha Bárbara Rodrix, cantora e compositora. Há especulações que nomes como Ney Matogrosso, Daniela Mercury e Milton Nascimento farão parte da homenagem.
Carioca, o músico foi fundador, no início da década de 1970, do trio Sá, Rodrix & Guarabyra, precursores do chamado rock rural. Rodrix é compositor do grande sucesso “Casa no Campo”, eternizado na voz de Elis Regina.

Sem esquecer também que a banda original de Janis Joplin estará lá.
Um show no mínimo Sublime.

A Virada ainda terá mostras de cinema e outros tipos de apresentações musicais e visuais. Para conferir a lista de atrações e horários, visite o
site do evento.